24 de jul de 2011

Me obedeça e tudo ficará bem



Me obedeça e tudo ficará bem.

Ouvi de uma amiga nesta semana esta frase dita pelo homem que ela "supostamente" ama e que afirma ser ela uma pessoa importante para ele!

Me obedeça e tudo ficará bem.

E

Quando o amor começa a neutralizar suas decisões... Seu jeito de ser... Seus sonhos...
Quando o amor começa a "permitir" mais do que dividir...
Quando o amor começa a dar mais espaço para "a mesma vida de sempre"...

E

Quando você começa a se sentir mais parte do outro do que você mesma..

Quando você permite errar em nome do amor...

Quando você aceita o mínimo pq o máximo lhe será sempre negado...

Quando o que você tinha já não é mais suficiente...

Quando o "amor" alimenta a alma e o corpo mas você simplesmente não percebe que se perdeu...

E

Quando o amor diz : Me obedeça e tudo ficará bem???



Ps.: Amiga A. desculpa.. acho q deveria ter lhe dito isso..


20 de jul de 2011

O Y da questão...



Um amigo mandou-me este "esquema"... Atentem a ele...
Não lhe disse que "pessoalmente" tive algumas discordâncias.
Há "Ys" demais no desenho. Os "Ys" são na verdade escolhas, pressuponho. Possibilidades. Caminhos.
Na vida não temos tantas escolhas assim... Na minha pelo menos..
Algumas coisas são "simplesmente" impostas pelo destino.
Outra coisa é que me auto intitulei o "braço errado" do Y.
Esta sensação foi marcante em mim quando analisei o tal desenho.

Fui certamente o "braço errado" do Y para algumas pessoas.
Que pena!!!
Mas devo ter sido o certa para outras. Enfim.
O que me intriga é saber [pelo esquema!] que a vida sempre "recomeça" com novas escolhas.

"Novos" caminhos.
Será?
Temos realmente este "poder" de decisão?
Tipo: hoje vou por aqui... Amanhã vou por ali...
E voltar atrás? De volta para o ponto de partida?

Podemos?
Já aviso que não costumo voltar...
Não costumo me arrepender!
Ok. Costumo "repensar"...

Mas daí a sofrer por uma decisão equivocada... NOT!

Tipo: Ai eu deveria ter ido "pelo outro braço do Y"! AH...
Não eu! Sou a razão da emoção.
Emoções são "circulares...” tipo a Letra O!
Você entra e não consegue sair!
A razão é apenas a boa e velha Letra I. Você esta aqui.. e POF! Logo estará lá. E fim!

Essa coisa toda de Y me confunde.
Ainda mais depois que cogitei ser o "braço errado" da tal letrinha para algumas pessoas.
Desgraceira de vida...
Saco de Vida.
Viva a letra "I" !!!
Você começa. Vive. Segue. E termina se tiver que terminar. Tudo em linha reta. Você enxerga o horizonte.
Desculpa "amigo". Deveria ter lhe dito isso ao vivo.
Certamente um dia você lerá este texto...

Um beijo.
TA.
Liz.
13 de jul de 2011

O homem imaginário / Conto de Fadas... ou a Grande Mentira do Século?


Conto de Fadas... ou a Grande Mentira do Século?
Nós mulheres nascemos para amar.
Oi?
É o que dizem.
Amar...
Filhos...
Casa...
Casar...
Acasalar...
Uma infância recheada de ideais.
A mulher perfeita alimentada com toddynho e frutas frescas.
Eu escrevi "frescas"?
Cérebro treinado para "não perguntar"!
(Como?)
Corpo esculpido para "ser desejado"!
Voz sempre mansa para acalmar... acalentar... compreender...
Perfume de flor.
Pele lisinha.
Alma casta.

Mulher perfeita.

Para um homem imaginário.
Ou seria Invisível?
11 de jul de 2011

Hipocrisia Humana

A felicidade é em gotas.
Certa vez li isso num destes livrinhos pequenos que cabem na palma da mão e pensei: Gotas? Somente Gotas?
Pois bem...
A felicidade como todos almejamos NÃO vem em gotas.
Ela simplesmente NÃO vem.
A felicidade como sonhamos.. aquela de propaganda de margarina ou pasta de dentes NÃO existe.
A casinha perfeita. A esposinha perfeita. O  universo perfeito. O maridinho perfeito. Blá Blá Blá .. Blergh!
Desculpa se acabei com seus sonhos.
Aliás... uma revelaçao à mais neste texto: SONHOS não existem.
O que você "pensa" e "projeta" na noite ao deitar são apenas reflexos involuntários de uma mente ainda em estudo [os cientistas não desvendaram o cérebro humano na íntegra!].
Ahhhh!!!! Mas os mais ingênuos, prontos para acabar com a minha teoria, diriam: Mas e meus desejos? Tudo aquilo que eu planejo para a minha vida ser um sucesso? O que são senão sonhos?
Eu vos digo: SÃO APENAS IDEIAS.
Nada mais.
Essas ideias necessitam de dedicação, de coragem, de disposição.
Assim como a felicidade. Esta é quase um orgasmo. Acontece. E fim. Você apenas sabe que foi feliz.. mas já não tem certeza se continuará sendo.
Hipocrisia achar que tudo pode ser lindo e em tons pastel.
A vida não pode ser tratada como um quadro de Monet.
Nem podemos considerá-la demais, super estimar a vida... a sua vida.. a minha vida.. a vida de quem quer que seja é igualzinha. Respiramos, comemos, choramos, rimos, xixi, cocô.. tudo igualzinho... até na morte!
Somos tamagotchi ...
Ninguém é melhor que ninguém..
A grama do vizinho não é mais verde que a minha... [até pq na minha casa não tem grama!]
Meu marido não é o melhor do mundo.. nem o seu.. nem você que esta lendo este texto e pensando que estou/sou revoltada.
Não sou a mais linda da paróquia.. nem você é o mais inteligente dos mortais.
Somos todos humanos.
IGUALZINHOS.
Ok.
Tenho que concordar com George Orwell [A Revolução Dos Bichos] :  “Todos os animais são iguais, mas alguns animais são mais iguais que outros”.
Acho que encerro bem este meu desabafo sobre a hipocrisia humana!

Ps.: Sim.. Escrevi tudo isso pq estou cansando...
10 de jul de 2011

Ansiedade




Pessoas calmas demais me deixam nervosa.

Sou, na verdade, uma pessoa agitada.

Vivo com o coração na boca!

Não sei se um dia consegui ficar calminha.

Quieta.

Acho que nunca.

Ai você olha para o mundo e percebe que um zilhão de mortais fica tranquilamente parado na fila.

Não buzina no trânsito.

Não reclama de perguntas idiotas.

Consegue almoçar em paz sem olhar e-mails entre uma garfada e outra.

Nem ficar ligando para casa de hora em hora para certificar-se de que a vida segue sem sua presença.

Pessoas que conseguem respirar naquele ritmo [o principal..] inspirar / expirar em paz!

Eu não..

Sou do tipo de pessoa que não sabe ainda como e nem pq o dia só tem 24 horas...

Uma falha imperdoável na fabricação do tempo...

Eu simplesmente não consigo assistir um filme no cinema sem pensar que aquele pode ser um tempo perdido e precioso.

Também não consigo ter paciência para ouvir a história do porteiro.. Nem da faxineira.. Nem do gerente do banco.. Nem.. Nem.. Nem de ninguém..

Ok.. Ok.. Alguns mortais [poucos!] conseguem minha atenção...

Mas estes não contam.. Me amam.. Me entendem...

Sabem do meu limite de tolerância..

Da minha "ansiedade"...

Não gosto de esperas.. De incertezas.. Nem de coisas "mais ou menos"...

O mundo deveria saber que A VIDA não é mais ou menos...

A VIDA ou É ou NÃO É! E fim!

Me agonia perceber que tudo nem sempre pode ser do meu jeito.

Isso me consome.

Tenho vontade de "sacudir" o universo e dizer: POHA! VÊ SE ANDA LOGO COM ISSO!

[perdão pelo POHA!]

Vivo no limite de quase tudo.

Faço mil coisas ao mesmo tempo sem dó nem piedade.

Se eu sofro com esse meu jeitinho?

Simmmmmmmmmmmmmmmm!

Mas não sei ser diferente!
Vem dai minha insônia.
Minha inquietude.

Ansiedade é algo que você administra...

Ou morre!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Blog Template by YummyLolly.com