4 de out de 2010

Sem resposta...

Todo improviso se supera...

Toda hipocrisia se justifica...

Toda arrogância se conquista...

Toda humildade é necessária...

Toda felicidade não existe...

Todo sorriso se imagina...

Toda lágrima é triste...

Toda tristeza, burrice!

Toda incerteza é difícil...

Toda dificuldade amedronta.

Todo medo é real...

Todo mistério me intriga...

Toda mentira me prende.

Todo poder fragiliza.

Toda fragilidade instiga.

Todo pecado, perdoa-me.

Todo perdão, me ofereça.

Toda razão, emoção.

Toda emoção... Não se explica.

Todo discurso, cansa.

Todo cansaço atrapalha.

Toda alma, flana!

E toda minha vida?

Sem resposta...

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela curiosidade...
minhas palavras são sinceras.
Reflexo do que vivo, ouço, vejo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Blog Template by YummyLolly.com