30 de nov de 2011

Sigo sem me importar!


Tem dias que nem a chuva lava a sujeira do que pensamos.
Tem dias que nós não toleramos nossos pensamentos.
Tenho medos e incertezas de um dia decifrar cada uma de minhas vontades.
Cada um dos meus sonhos.
O brilho da incerteza e do desconhecido é justamente a incógnita.
Não há pressa em lavar alma...
O corpo se encarrega de crucificar cada partícula dela.
Nem me cabe implorar por respostas daquilo que sabemos jamais nos revelarão.
Besteira tentar.
Sigo sem me importar.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela curiosidade...
minhas palavras são sinceras.
Reflexo do que vivo, ouço, vejo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Blog Template by YummyLolly.com