30 de mar de 2010

Esqueça as palavras. Viva a vida. Ela é linda!

Divago às vezes sobre as coisas. É certo. É fato.


Questiono os pq´s.  Os senão´s.

Duvido das causas. Lamento os motivos.

Crítico a forma. Invento perdão.

Mas  nunca recuo.

Desculpas? Não dou.

Ninguém pode entender o quão difícil é viver uma vida recheada de compromissos e dilemas. Melhor, ninguém pode entender a vida do outro. Nem deve.

Conheço alguns "corajosos" seres humanos, que empossam a voz e batem no peito por seus objetivos, sonhos, devaneios, desejos.

Esbravejam suas vitórias como sendo batalhas históricas. Quando na verdade é apenas "vida".

No menor sinal de desespero tornam-se medíocres e arredios. Escanteiam objetivos, sonhos, devaneios, desejos e sucumbem sem ao menos uma justa e merecida explicação para o seu próprio EU.

Tenho medo destas pessoas. Opto por me afastar delas. Sempre.

Eventualmente me perguntam: tu sumiste?

Tenho vontade apenas de responder: - Não, me "preservei" do infortúnio de ser uma fraca!

Sou demasiadamente corajosa.

Destemida.

Não me lembro de ter recuado, uma única vez nesta vida.

Posso estar sendo vaidosa demais, mas devo confessar que foi ela, a VIDA,   que definiu que assim fosse.

Eu  apenas me curvei a sua vontade acreditando estar no rumo certo.

Dia desses um destes seres cuja coragem é de "ocasião" sentiu-se ofendido ou temeroso com determinadas palavras escritas.

Ora, penso eu, os  corajosos de  ocasião sempre buscam  motivos para justificar seus bloqueios, seus temores, suas derrotas. Não serão palavras verdadeiras ou falsas que mudarão o curso natural do rio dos covardes ou dos destemperados homens de bem.

Neste dia me reservei o direito de simplesmente argumentar:

- Esqueça as palavras. Viva a vida. Ela é linda!

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela curiosidade...
minhas palavras são sinceras.
Reflexo do que vivo, ouço, vejo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Blog Template by YummyLolly.com